E você é verde de verdade?


É triste, mas foi o que revelou uma pesquisa recente feita por uma empresa de confecções do litoral paulista com mais de mil consumidores, em diversos pontos comerciais da região: apenas 34% deles têm ecobags, as sacolas reutilizáveis de compras. O pior vem agora: destes poucos,71% deixam suas ecobags abandonadas em algum canto de casaquando vão às compras, por esquecimento ou “preguiça” de carregá-la de lá para cá.




Não deveria ser dessa forma, já que basta colocar a sacola na bolsa, na mochila, no porta-luvas do carro. Simples assim…
Se essa mesma enquete fosse feita em qualquer outro lugar do Brasil os resultados não seriam diferentes. No dia-a-dia vejo poucas pessoas com sacolas duráveis por aí. E quando coloco a minha em cima do balcão do caixa do supermercado ainda percebo olhares de estranheza ao redor.
Será que ainda é falta de hábito ou resistência à mudança? Acredito que os dois motivos são verdadeiros, aliado ao fato de que ainda estamos mal-acostumados com as cada vez mais insustentáveis comodidades modernas. E sustentabilidade não é a moda do século, é a necessidade.
Sair da tal zona de conforto realmente não é tarefa das mais fáceis, é preciso empenho, força de vontade. Toda mudança é um desafio.
Até porque – nesse caso específico –  a farra das sacolinhas descartáveis tem seus dias contados, uma vez que a proibição do uso delas já é fato em várias cidades brasileiras. Então, se não mudamos por livre-arbítrio, que seja pela lei.
Foto – Creative Commons
Leia também:Ecobag, a missão

Comentários

Postagens mais visitadas