Panelas ou Frigideiras com Antiaderente: Tóxico e pode Matar.



O Teflon é um anteaderênte usado na cozinha, ele não deixa a comida queimada grudar nas panelas e frigideiras, poupando tempo e energia na lavagem. Mas isso é conveniência ou é um perigo para a saúde de sua família?

O teflon tem o nome industrial de politetrafluoretileno ou PTFE, ele é um polímero similar ao polietileno, descoberto acidentalmente por Roy Plunkett, é uma substância praticamente inerte, não reage com outras substâncias químicas exceto em situações muito especiais. conhecido mundialmente pelo nome comercial de teflon é uma marca registrada de propriedade da empresa DuPont

Uma grande característica do teflon é sua impermeabilidade mantendo, portanto, suas qualidades em ambientes úmidos. O Teflon é um polímero hidrofóbico, o que significa que não se mistura à água. Por estas características especiais, além da baixa aderência e aceitabilidade ótima pelo corpo humano, ele é usado em diversos tipos de prótese.

Você vai morrer comendo?

Em estudos realizados pelo Environmental Working Group mostram que, em cerca de 5 minutos no fogão convencional as panelas com teflon podem exceder a sua temperatura, e o revestimento se rompe e emite partículas e gases tóxicos, a degradação térmica do PTFE deixa inumeros compostos tóxicos, incluindo gases altamente corrosivos e letais, um deles é o PFIB que é 10 vezes mais letal do que o fosgênio (um agente quimico usado na primeira e segunda querra mundial).

Fosgênio é um veneno insidioso como o odor podem não ser notados e os sintomas podem demorar a aparecer.

Em novos testes realizados por uma universidade de segurança alimentar constatou que as panelas de Teflon em temperatura de trabalho liberam pelo menos seis gases tóxicos, incluindo dois agentes cancerígenos, dois poluentes globais, e MFA, uma substância química letal para os seres humanos mesmo em doses baixas.

Durante os últimos cinqüenta anos a DuPont alegou que os seus revestimentos de teflon não emitem substâncias químicas perigosas através do uso normal. Em um recente comunicado de imprensa, a DuPont escreveu que:

“A decomposição significativa das camadas ocorrerá apenas quando a temperatura exceder cerca de 660 graus F (340 graus C). Estas temperaturas só são bem acima da faixa de cozimento normal. ”

DuPont reconhece publicamente que o Teflon pode matar aves. O Teflon representa um perigo sério para as aves, ele libera diversos gases tóxicos que para às aves e mortal, os pulmões das aves expostas sofrem hemorragia e se enchem de líquido, levando à asfixia e morte, ou causa danos aos pulmões e dependendo do grau de exposição tem como sintomas a sonolência, falta de coordenação motora, fraqueza e convulsão.

A DuPont reconhece que a fumaça também pode adoecer as pessoas, uma condição chamada “Febre da fumaça do polímero”.

A febre da fumaça do polímero ou febre do fluoropolímero, também chamada popularmente de gripe do Teflon, pode causar lesão aguda do pulmão. Os sintomas são parecidos com a gripe (desânimos, dores de cabeça e febres) com o endurecimento do tórax e tosse branda. O ataque ocorre entre 4 a 8 horas depois da exposição aos produtos.

DuPont nunca estudou a incidência da febre entre os usuários dos milhares de milhões de panelas e frigideiras com antiaderente vendidos em todo o mundo.

Nem a empresa estudou os efeitos a longo prazo da doença, ou a extensão à qual as posições de Teflon pode levar a doença, que se acreditavam erroneamente ser a gripe comum.

Fonte: Vida Sustentável.
Ler mais: http://www.vidasustentavel.net/modo-de-vida/panelas-e-frigideiras-com-antiaderente-e-toxico-e-pode-matar/

Comentários

Postagens mais visitadas