quinta-feira, 8 de maio de 2014

Jardins e o Feng Shui


O Feng Shui é uma arte que não se preocupa apenas em construir ou preservar um cenário ou um local, mas sim em traduzir um valor espiritual que satisfaça quem o observar e quem nele estiver ou passar. Uma das melhores formas de compreender são os jardins orientais.
As trilhas, os caminhos, os formatos variados e diversos, as cores, as plantas e pedras distribuídas não são ao acaso, mas é resultado de um estudo minuciosamente cuidadoso criado para exteriorizar uma harmonia bela e única, onde se admira o que ali está estimulando uma meditação e contemplação do espírito deste jardim que ali se formou.
Os jardins Feng Shui são como as faces de quem se cuida, revelando o seu espírito em beleza e pureza emanado pelas formas e plantas, a vida que ali reside.
Com o cultivo de plantas e flores atraímos boas energias pelas suas cores, formas e aromas.
Plantas são muito importantes em volta de nossos locais onde moramos, pois com ela se dá o contato, a conexão e a ligação entre o céu e a terra.
Os pinheiros e os ciprestes atraem o vento, devendo ser plantados em locais em que uma brisa suave favoreça a circulação da energia entre eles.
Os bambus bloqueiam a circulação do chi e do vento, impedindo que roubem as energias do terreno.
Os salgueiros atraem as cigarras para que haja melodias.
Bananeiras convidam as chuvas, e assim por diante.
Cada uma com sua forma que atrai ou repele algo, por isso a importância em mante-las para atrair energias positivas e também criando um campo escudando e protegendo nossos locais.
A morte de uma planta simboliza a decadência e a perde de energia vital de um residente. Por isso quando este fato acontece, o melhor é repor de imediato outra planta neste local.
De acordo com cada planta num jardim ela tem uma função e finalidade específica e diferente de influenciar na vida das pessoas. Elas ativam a carreira e o trabalho, a fama e o reconhecimento, o sucesso, a prosperidade da descendência, a família, a saúde, os bons relacionamentos.
Devemos observar como elas crescem como é o desenvolvimento das folhas, do tronco, caso seja observado uma inclinação no troco ou folhas se retorcendo, provavelmente haja algo telúrico no local e as plantas são muito sensíveis, elas captam de imediato e exteriorizam o que ali está na sua aparência.
Também é importante analisar como é a floração destas plantas, se ela é bem definida e com boa floração, pois são sinais que elas emitem, seus espíritos falando.
Uma arvore ou planta infestada por formigas ou cupins ou fungos indicam a presença de uma energia negativa ao seu redor.
Se as plantas ou árvores expressar algo opressivo e estiver muito próximo da casa ou local de trabalho, a energia da vitalidade das pessoas que estiverem ali próximo sofrerá perda de vitalidade e não reposição.
As plantas podem ser plantadas próximas da porta de entrada ou pode-se com elas criar uma barreira de guardiões no local de proteção, entretanto, não devem obstruir as entradas nem da porta de casa e nem do portão principal.
Um lago artificial ou fonte no jardim com pedras com seus detalhes particulares que lembrem o movimento das águas são muito bem vindos, pois ativam com a carreira e os amigos dos moradores. Se a fonte tiver uma cascata que direciona as suas águas para casa e se move com suavidade o chi para o interior da casa é considerado um Feng Shui auspicioso.
As plantas com espinhos devem ser usadas com muita cautela, em um local não correto elas podem ativar brigas e discussões enquanto em outros locais elas irão trabalhar a proteção do local, defendendo de fluxos energéticos negativos, dispersando antes que atinjam o local.
Luminárias, lanternas e luzes solares são muito bem vindas, pois conseguem preencher a energia dos locais em que se deseja fortalecer energeticamente.
Conhecendo como a energia flui nos locais devemos trabalhar os jardins de forma harmônica com as correntes energéticas sem destruir o fluxo de energias que percorrem sua superfície, as linhas do dragão devem ficar com um aspecto natural, a força dos ventos, dos rios e dos tremores de terra são como artistas que mudam a sua obra conforme necessário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...