sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Alimentação Natural para cães - Cinco passos para tornar seu cãozinho mais saudável e feliz

Fonte: Exame Abril

Não faz muito tempo que falar sobre alimentação natural gerava estranhamento ou dúvidas fora das rodas mais especializadas. Mas hoje, optar por um prato mais saudável tem cada vez mais adeptos.

A alimentação natural deixou de ser uma moda exótica para ser incorporada por todos os tipos de públicos que buscam alimentos ricos em nutrientes, com a vantagem de não conterem aditivos químicos e colaborarem na prevenção e no tratamento de diversas doenças.
Mas você, que faz questão de levar mais saúde para a sua mesa e de sua família, já pensou que esta também deve ser uma preocupação no que se refere a alimentação do seu cãozinho?

Estudos recentes comprovam que grande parte das rações industrializadas utilizam, em sua composição, conservantes BHA e BHT, substâncias classificadas como cancerígenas pela Agência Internacional de Pesquisa sobre Câncer, um braço da Organização Mundial de Saúde.

Outro dado alarmante dá conta de que a maioria dos casos de cálculo renal em cães é causado pelo consumo de ração. O excesso de corantes e minerais contidos em alguns tipos de alimentos industrializados é uma das principais causas de problemas renais nos animais.

Segundo Viviane B. Montoro Salesi, médica veterinária consultora da RefeiCão, solução em alimentação natural para cães, "A alimentação é fundamental em qualquer fase da doença renal, principalmente em fases mais avançadas onde o animal perde o apetite e precisa de alimentos mais palatáveis. Manter o paciente com peso ideal e bem nutrido garante o sucesso no tratamento. Com a alimentação natural é possível controlar os nutrientes, os carboidratos e as proteínas nas doses necessárias para o organismo", explica a especialista em Nutracêutica, uma área da veterinária que busca trabalhar os componentes fotoquímicos presente nos alimentos e transformá-los em remédio.

A refeição natural também é altamente recomendada no tratamento de pets que sofrem de alergias de fundo alimentar causadas pelas químicas contidas nos alimentos industrializados. Para saber se seu cãozinho está sofrendo de um processo alérgico, basta prestar atenção nos sintomas. Em geral, eles apresentam vermelhidão da pele, aumento da temperatura, queda de pelo e, o principal, coceira incessante por todo o corpo do animal.

Segundo o veterinário, Clóvis de Souza Júnior, consultor da RefeiCão, a correção alimentar é fundamental para melhorar esse quadro clínico: "As principais vantagens desse tipo de alimento, é que sabemos que nosso animalzinho de estimação está recebendo um produto 100% natural e isento de químicas. Vemos também a mudança nos animais: a pelagem fica brilhante e sedosa, as fezes ficam firmes e sem odor e eles mantém o peso ideal", aponta.

Mas, afinal, o que é uma alimentação natural? O alimento natural e integral é minimamente processado, o mais próximo de sua origem possível, sem aditivos químicos como corantes artificiais, conservantes, aromatizantes, entre outros. Ou seja, mantém praticamente intactas suas principais camadas, que por sua vez, têm funções específicas, tanto para o alimento, quanto para uma dieta equilibrada.

No caso dos grãos naturais integrais por exemplo, eles preservam não apenas a camada interna onde estão os carboidratos, proteínas e alguns micronutrientes do grão, mas também o farelo e o gérmen, onde se concentram as vitaminas, minerais e outros nutrientes pouco encontrados nos produtos refinados. Isto faz com que a alimentação natural integral seja baseada em alimentos mais próximos de sua natureza, preservando o equilíbrio original dos nutrientes e das substâncias bioativas.

Muitos outros benefícios

Não somos só nós que lutamos para manter o peso em dia, muitos cães sofrem do mesmo problema e a alimentação natural é uma excelente aliada na perda de peso. Foi por este motivo que o Tecnólogo em Gestão Ambiental, Marco Antônio Grigoletto, adotou este tipo de cardápio para as Pug"s, Ágatha e Mabel, de 5 anos e meio: "A Ágatha estava meio gordinha e, após 2 meses com a alimentação natural, já está começando a entrar na linha. A mudança de dieta também foi ótima para a Mabel, que se curou de um processo alérgico, com muitas coceiras, e hoje apresenta muito mais disposição. A refeição natural também ajudou a solucionar um problema sério entre os Pug,s, os famigerados gases ", conta.

E não é só em casos de excesso de peso que este tipo de dieta traz benefícios, a alimentação natural também é excelente para animais que se alimentam mal, problema muito comum entre os de raças pequenas. É o caso da publicitária Andreia Perini, dona do Yorkshire de 3 anos, Yuri: "Meu filhote é exigente para comer, ele não gosta muito de ração, então resolvi experimentar a comidinha balanceada. Não teve processo de adaptação, ele já adorou no primeiro dia", comenta animada.

As empresárias Lucianna Santa Rosa e Susy Bastos se tornaram especialistas em alimentação 100% natural para cães após encontrarem neste tipo de dieta a única alternativa para tratar de seus pets e oferecer a eles mais qualidade de vida. Susy explica que a Alimentação Natural ajuda na trituração e mastigação dos alimentos e, como é úmida e possui uma grande porcentagem de água, se comparada com as rações do mercado, ajuda na função renal do cãozinho, fazendo com que ele urine mais. Lucianna confirma: "Estudos apontam que esta é uma das grandes vantagens da alimentação natural, sobre a ração tradicional". Ela complementa: "Entre os muitos diferenciais deste tipo de refeição, também está a indicação para cãezinhos idosos, que apresentam dentição mais frágil e dificuldades com a trituração e mastigação dos alimentos. ", diz.

Para quem não abre mão de qualidade de vida e bem-estar para seu melhor amigo, as especialistas da RefeiCão, Susy Bastos e Lucianna Santa Rosa, apontam cinco passos para tornar a alimentação do seu cãozinho mais saudável, sem erro:

1. Comece aos poucos: A substituição deve ser feita gradativamente, para não gerar nenhum tipo de distúrbio intestinal. O recomendado é servir apenas 25% de ração natural no 1º dia e no segundo dia. No terceiro, a proporção já pode ser de 50%, passando a 75% no quarto dia. Só então, a partir do quinto dia, recomendamos servir 100% de alimentação natural para seu pet.

2. Atenção com as quantidades: Elas explicam que as quantidades de alimentos sugeridas por dia podem variar de acordo com a idade, atividade e temperamento do cão, mas o ideal é que as porções sejam divididas em duas a três refeições diárias. Para não errar, o ideal é buscar a orientação de um médico veterinário.

3. É normal seu cãozinho beber menos água: Toda dieta caseira, naturalmente, contém pelo menos 70% de água (umidade), o que facilita a digestão dos alimentos e protege diretamente a saúde dos rins e do trato urinário. Neste tipo de cardápio, a quantidade de água armazenada na refeiCão supre uma grande parte da necessidade diária de água do seu cão. Fique tranquilo!

4. Evite misturas: A mistura gradativa de ração com alimentação natural é aconselhada somente nos casos de substituição de ração pela refeiCão. Em outras situações, ela deve ser evitada, pois tanto a ração quanto a Alimentação Natural possuem um balanceamento próprio. Ao misturar os dois alimentos, esse balanceamento é perdido. Além disso, como os tempos de digestão são muito diferentes, pode haver mais fermentação e formação de gazes, que é muito desconfortável para o cão. O ideal é dar ou ração, ou comida.

5. Confie na substituição: A Alimentação Natural substitui perfeitamente a ração, e com muitos benefícios. É preparada com a orientação de profissionais competentes, este tipo de cardápio reúne tudo o que seu cão necessita para uma ótima refeição, de forma balanceada, com todos os nutrientes de uma ração completa, e com a vantagem de ser natural, fresquinha e muito saborosa, o que proporciona muito mais prazer ao cãozinho na hora da refeição.

As especialistas da RefeiCão complementam: "A alimentação natural traz inúmeros benefícios para a saúde dos cães, previne e trata doenças e ainda é muito mais saborosa, permitindo que nosso melhor amigo tenha prazer na hora de se alimentar. Todos desejamos ter uma vida mais saudável, com qualidade de vida e satisfação. Proporcionar este mesmo bem-estar para nossos melhores amigos é uma prova de amor. "

Sobre a RefeiCão:
RefeiCão é solução em alimentação 100% natural para cães. Trata-se de uma refeição balanceada com todos os nutrientes necessários para a boa saúde e bem-estar dos cães.
A RefeiCão é feita com todos os requisitos necessários por profissionais qualificados, tanto na orientação como na execução, um grande diferencial é o carinho no preparo de cada prato.
O cardápio foi elaborado com o objetivo de proporcionar uma nova experiência gastronômica, sem conservantes, sem corantes, com ingredientes de primeira qualidade.
Além de oferecer uma comida saborosa, balanceada e saudável, a RefeiCão preocupa-se em garantir, ao melhor amigo do homem, mais qualidade de vida!

Acesse: http://www.refeicaobompracachorro.com.br
Website: http://www.refeicaobompracachorro.com.br/


"Este conteúdo de divulgação comercial é fornecido pela empresa Dino e não é de responsabilidade de EXAME.com"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...